MPEA

O Programa

O Programa de Pós-Graduação Mestrado Profissional em Enfermagem Assistencial (MPEA), foi criado em 2002, aprovado em março de 2003 pelo Conselho Universitário, e reconhecido pela CAPES em dezembro de 2003, com Regimento Interno publicado em 19 de maio de 2004, e sua primeira turma matriculada no mesmo ano, portanto, o MPEA esse ano comemora 15 anos. O Programa MPEA foi o primeiro curso de pós-graduação da Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa da Universidade Federal Fluminense (EEAAC/UFF) e o primeiro Mestrado Profissional da Enfermagem no Brasil.Assim, o Programa tradicionalmente está na vanguarda da formação de profissionais com relevância social, científica e tecnológica, bem como o necessário estreitamento das relações entre as universidades e a prática profissional.

Missão

Formar enfermeiros para qualificar a prática profissional, promovendo desenvolvimento tecnológico e inovação.

Visão

Ser referencia nacional e internacional na aplicação de tecnologias gerenciais e assistenciais inovadoras.

Valores

  • Compromisso social
  • Desenvolvimento Profissional
  • Ênfase em inovação
  • Enfermagem de excelência.

Objetivos

Capacitar enfermeiros para o exercício da pratica profissional avançada e transformadora de procedimentos técnico-assistenciais, tecnológicos, educacionais e gerenciais nos diversos campos de atuação;

Promover a apropriação e a transferência do conhecimento científico e inovação para a prática profissional, tendo em vista as demandas sociais, ou profissionais e do mercado de trabalho;

Contribuir para formação profissional articulada com a solução de problemas agregando competitividade e visando melhor desempenho produtivo das organizações e o desenvolvimento da sociedade;

Qualificar profissionais que possam pesquisar soluções inovadoras e criativas sobre o processo de cuidar e de gestão do cuidado e desenvolver novas aplicações, gerando tecnologias mais adequadas em amplas áreas da atividade de enfermagem;

Capacitar enfermeiros críticos e criativos para formulação, implementação e gestão das políticas públicas setoriais no campo da docência, pesquisa e serviços, numa visão humanística e ética em saúde.

Perfil de Egressos

Enfermeiros preparados para ocuparem os quadros estratégicos do Sistema Único de Saúde, seja no setor público, seja no setor privado, pautando sua prática de liderança do cuidado em evidências científicas.


Ampliação e consolidação de um polo de disseminação de conhecimentos de enfermagem por meio da fomento de pesquisas para o desenvolvimento da prática de enfermagem baseada em evidências;

Profissionais com formação para pesquisar soluções inovadoras e criativas sobre o processo de cuidar e de gestão do cuidado e desenvolver novas aplicações, gerando tecnologias mais adequadas em amplas áreas da atividade de enfermagem; –

Enfermeiros criativos para formulação, implementação e gestão das políticas públicas setoriais no campo da docência, pesquisa e serviços, numa visão humanística e ética em saúde.